sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

O QUARTO

O QUAER
Dizem que o melhor lugar de uma casa é a cozinha.
De certa forma até concordo, mas o melhor mesmo é o meu quarto.
Lá que durmo e acordo na minha cama quentinha debaixo do lençol ou edredom no tempo frio.
É lá que tenho quadros de meu cantor favorito, e fico admirando.
Às vezes, até ponho o rádio lá, e ouço suas músicas tocarem.



É lá que penso em minha vida, ás vezes penso até em voz alta.
É no meu quarto que tenho os sonhos mais surreais possíveis e ás vezes pesadelos assustadores.
É onde me refugio quando não quero falar muito, ou não falar com ninguém.
É onde fantasio encontros, viagens, namoros, lugar que planejo meu futuro.
É onde me arrumo para ficar bela e ás vezes sair, ou apenas vestir camisola ou pijama, pra dormir.
É onde choro minhas tristezas, medos e frustrações no travesseiro, abafando o barulho, enquanto todos estão dormindo.
É no meu quarto que guardo recordações das amizades feitas, do carinho que recebo.
É nele que relembro velhos e bons tempos da adolescência e infância, e também os tempos não tão bons assim.



De muita dor, noites sem dormir com mãe ao meu lado triste, chorando e rezando pra Deus fazer as dores passarem, e podermos dormir sossegados.
É onde agradeço a Deus por mais um dia, pelas coisas boas que me aconteceram, pelas pessoas queridas que me rodeiam.
Onde lhe peço proteção e perdão pelo que fiz ou deixei de fazer ou falar.
O meu quarto, esteja onde eu estiver morando, sozinha ou com quem estiver vivendo,
Vai sempre significar parte importante da minha vida, que sejam momentos bons ou ruins, que passei, ou passo ou passarei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentario é importante para mim..