quinta-feira, 29 de abril de 2010

VONTADE X MEDO DE AMAR

Queria poder amar-te com todas as forças do meu coração.
Queria poder entregar-te meus suspiros, meu calor, meu corpo, meu mais profundo amor.
Mas isso não sou eu quem manda, e sim, meu solitário, sofrido, desiludido,
Despedaçado, e por que não dizer, amargurado e bobo coração?
Um coração que está muito amedrontado, me fazendo ficar com os pés fixos no chão.
Pois depois de tanta desilusão, ele tem pavor de se imaginar sofrendo mais uma decepção, e ficar completamente cheio de amargura.
Mesmo cansado de tanta solidão, querendo tornar apenas um com o coração da pessoa amada.
Ele pede socorro, pois anda tão partido, devido o medo de amar e ser amado, e o desejo de ser renovado, que ás vezes lhe bate o grande desespero de nunca mais colar-se.
De não ser mais um coração feliz e saudável, como tantos por aí, felizes e apaixonados.
Ouvir elogios e declarações o deixa tão confuso que não sabe como lidar.
Não sabe se acredita e deixa rolar, ou se finca no chão e manda mais esse “andar”, pois está com medo de amar, se apaixonar, se entregar.
Ele acaba por enlouquecer a mente, pois este também não sabe como agir.
Conhece o real desejo do coração e o do corpo em erupção.
Qual ela deve atender pra mandar a correta mensagem para eu agir?
Persistir em busca do amor, mesmo podendo sofrer mais uma vez de dor, desilusão, amargura, decepção?
Ou deixar rolar com quem eu tiver mais afinidade, química ou intimidade, esquecendo a voz do meu coração, e deixar falar a voz da razão?
Ás vezes, eu sou tão covarde ou indecisa, que fico com medo de tomar uma atitude radical e me arrepender futuramente da minha escolha.
O equilíbrio é tão difícil de encontrar, será que um dia isso irá acontecer?
O famoso “amar sem esperar receber”, é tão lindo de dizer e ouvir alguém declamá-lo.
Mas na vida real, quem realmente apenas quer amar, e não se preocupa ou entristece se, por aquela
pessoa, não é amado?
Quem realmente quer dar sem receber nada em troca, mesmo que seja mais pra frente?
Seja por Deus ou pelos homens.
Eu quero amar, é tão bom, mas é maravilhoso quando também se é amado.
Espero que um dia, não muito longe, meu coração consiga se colar, recuperar, ficar novinho em folha.
Sem medo de amar, se entregar, mas que ele também deixe ser amado sem medo da dor ou desilusão.
Só assim eu poderei ser feliz de verdade. Pois darei e receberei seu amor em troca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentario é importante para mim..

VIVIAN E O PODER DE LUTAR

Era um dia bem chuvoso e frio e Vivian se perdia em seus pensamentos sobre quem realmente era e para que razão estava nesse mundo, enquanto...