segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

CÉU INFINITO

 

ceu infinito1 ceu nublado Céu infinito2

Céu infinito que em cada lugar é distinto.

E parece tão único e igual quando olhamos para cima.

Céu nublado aqui; já ali é tão aberto e azul belo com sol brilhante e aparente.

Em outros se vê nuvens como algodão e o sol meio que escondido, mas ainda aquecendo-nos e iluminando-nos.

No entardecer vê-se o céu ficar multicolorido, com o sol já saindo de nossa visão e admiração.

Nas noites, se vê estrelas e uma lua a iluminarmos, em outros lugares não se vê nada disso.

Vê-se apenas um céu azul petróleo sem nada a olho visto em que podemos nos orientar.

Mas longe, bem longe de nós... Sabemos que no céu há muito mais do que podemos ver e imaginar… Além de planetas, satélites, estrelas...

Céu infinito que não sabemos até onde pode chegar... Tão vasto, ilimitado, que nos surpreende e assusta.

Como pode em cada lugar ser diferente essa atmosfera que está sempre sobre nós, e como se tivesse nos observando?

Observando essas vidas aqui, quaisquer que sejam... E sempre sabe do que precisamos: de luz, de sombra, de chuva.

Ao observar o céu podemos admirar e pensar sobre a perfeição da natureza e seus mistérios infinitos...

Vemos que não há sentido em desvendá-los, apenas sabermos que existem e sermos agradecidos por existirem…Isso é divino!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentario é importante para mim..

VIVIAN E O PODER DE LUTAR

Era um dia bem chuvoso e frio e Vivian se perdia em seus pensamentos sobre quem realmente era e para que razão estava nesse mundo, enquanto...