quarta-feira, 30 de março de 2011

REALITY SHOW



 
Dormi e acordei pensando.
Onde será que somos mais nós mesmos?
Na vida real, ou numa casa, ou lugar confinado, vigiados por câmeras 24 horas por dia?
Será que a ambição de ganhar muito dinheiro, ou coisas materiais, e ter fama instantânea te fazem mesmo ter maior autoconhecimento?Até onde somos capazes de ir, ou fazer, pra termos o que desejamos?
Será que o jogar e ganhar dinheiro são mais importantes?Isso faz as pessoas realmente felizes?
Será que confinados, e vigiados conseguimos totalmente sermos nós mesmos, por mais que tentemos?
Por que será que a vida alheia atrai tantas pessoas?
Será apenas entretenimento, curiosidade, costume de querer se meter, julgar o comportamento, jeito de ser do outro?
O que atrai realmente as pessoas a esse tipo de programa?
Por que será que sempre procuramos criticar quem não se parece com a gente, e se afinizar, torcer por quem se assemelha?
Ás vezes eu penso que mais nos conhecemos aqui fora, observando-os, do que eles lá dentro.
E o mais interessante, é que sequer sabem que existimos... No máximo, sabem que têm torcida que os deixam lá por mais tempo, e os fazem ganhar.
Embora lá se divirtam bastante, ganham muita coisa boa, e nós aqui nada... Pelo menos, não a maioria dos telespectadores.
Pessoas que usam de estratégias como formar casal, ou grupo de amigos, mas se vacilam algumas vezes, o destino é a eliminação.
O que será que pensa alguém que está à prova? O que sentem os que são eliminados, e os que conseguem ficar, o que pensam?
E o que ganha no final, como deve se sentir ou pensar?
São tantas perguntas, será que eu faria como aquele ou aquela? Qual seria minha reação, comportamento lá dentro?Será que aguentaria estar ali longe das pessoas que amo, das coisas que gosto, por dinheiro?
E talvez tivesse atitudes que decepcionem, ou que choquem as pessoas que amo?Não suportaria... Melhor nem pensar, ou tentar algo semelhante.
Não por covardia, mas sim, respeito, e preservação de princípios alcançados e inalteráveis durante a vida.
O que tem de bom em reality show?Não sei dizer bem, talvez a melhor coisa seja se auto-conhecer, e menos discriminar, tentar julgar menos o outro...
Apesar de tudo, todos nós somos humanos que merecemos respeito, e temos qualidades pra se admirar, e orgulhar de expor o que somos.

Um comentário:

  1. a maioria das pesoas gostão de observar o comportamento das pessoas o reality os propocionol a estas pessoas um meio de jugar os parcirticipantes !

    ResponderExcluir

Seu comentario é importante para mim..

VIVIAN E O PODER DE LUTAR

Era um dia bem chuvoso e frio e Vivian se perdia em seus pensamentos sobre quem realmente era e para que razão estava nesse mundo, enquanto...